Equipes de cientistas de seis países participam da etapa final de competição para mapear a Biodiversidade da Amazônia

Em julho, seis equipes de cientistas do Brasil, Espanha, Estados Unidos e Suíça entrarão na fase final da competição internacional XPRIZE Rainforest | Florestas Tropicais, financiada pelo Alana. Durante cinco anos, 300 equipes de 70 países desenvolveram tecnologias para mapear rapidamente a biodiversidade das florestas tropicais, essenciais para a manutenção do clima global. As tecnologias incluem drones com sensores bioacústicos, robótica terrestre e inteligência artificial, com a meta de pesquisar 100 hectares de floresta amazônica em 24 horas e relatar dados em até 48 horas.

A competição busca evitar que a Amazônia alcance o “ponto de não retorno”, contribuindo para uma bioeconomia sustentável e justa. Pedro Hartung, CEO da Alana Foundation, enfatiza que essas inovações permitirão melhor entender e proteger a biodiversidade das florestas tropicais, fundamentais para as futuras gerações. As equipes precisam demonstrar a escalabilidade e eficiência de suas soluções em um ambiente de floresta tropical densa.

A fase final ocorrerá na Reserva de Desenvolvimento Sustentável do Rio Negro, no Amazonas, graças a uma parceria entre o MDIC e a XPRIZE Foundation. Rodrigo Rollemberg, secretário de Economia Verde do MDIC, destacou as potencialidades do Brasil para liderar a bioeconomia global.

Entre as equipes finalistas, destacam-se o Brazilian Team, que usa drones para coletar amostras de DNA ambiental, e a ETH BiodivX da Suíça, que utiliza drones para análise digital e física combinada com inteligência artificial e ciência cidadã. Outras equipes dos EUA e Espanha empregam tecnologias avançadas para capturar e analisar dados de biodiversidade.

O XPRIZE Rainforest visa acelerar o monitoramento da biodiversidade, apoiar bioeconomias sustentáveis e empoderar comunidades locais, reforçando ações de conservação das florestas tropicais globalmente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Relacionados

Nós usamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site.